CHLOÉ E KANI FATURAM O DUCT TAPE EM PORTUGAL

Numa virada emocionante em Ribeira d’Ilhas, na vila pesqueira de Ericeira, Portugal o Vans Joel Tudor Duct Tape Invitational, foi faturado por uma pequena mas já conhecida longboarder brasileira, Chloé Calmon. Foram quatro dias de muito longboard clássico, shows, skate, exposição e filmes sobre a cultura surf em solo lusitano. O vencedor do ano passado, Andy Nieblas, esteve acompanhado por Alex Knost e Justin Quintal, os matadores do pranchão. Mas quem roubou a cena foi o hawaiiano Kaniela Stewart, de 17 anos que quebrou as valas com seu style, venceu e na final deixou o japa, Kai Takayama em segundo. Na área das mulheres, Chloé disputou bem, mostrando seu surf de forte personalidade e com presenças na competição de Karina Rozunko que foi vice, Makala Smith, terceiro e a cantora Justine Mauvin de Ilhas Reunião em quarto. Keliss Kaliopaa, Kassia Meador, Kelia Moniz, Sierra Lerback e Honolua Blonfield entre outras participaram. Durante os quatro dias do evento muito movimento envolvendo a comunidade local. Lee Ann Curren, surfou e deu show com sua banda, teve session de skate na Vans park local, shape ao vivo e participação especial dos surfers; Ivan Florence, James Parry, Harry Bryant e Ainara Aymat. Joel saiu de Portugal satisfeito e amarradão de poder mais uma vez produzir seu Duc Tape e premiar homens e mulheres com a mesma quantia em grana. Texto By Castro Pereira Fotos Insta e Vans Divulgação

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *