SURF NEWS EM AÇÃO

O surf esporte dos Reis, pode mostrar um pouco de sua força e plástica no final de semana que passou. Tanto no RS, Tramandai, Atlântida, Imbé, Capão, como em SC, onde algumas praias estão abertas. Porque chegou a época da Tainha e muitas delas no continente e na Ilha ficam fechadas para o surf. A praia da Cal em Torres recebeu um bom swell de sul, dias de ondas perfeitas, e muitos conhecidos da galera, Jonas, Kita, Iuri, Daison, Perereca, Thiago, soltaram seu surf por lá. Destaque para o profissional do surf gaúcho, Rodrigo Pedra e seu irmão Stefano, que trituraram as ondas no local. Na ilha de Floripa, a bela Campeche e a Joaquina também estiveram de gala. Muitos profissionais dentro dágua e destaque para o shaper Guima, que andou muito nas tubulares valas.

Pelos lados de Sampa, o prefeito de São Vicente na baixada santista liberou o surf sempre pela manhã, das 6 as 10 horas. Sempre lembrando para não haver aglomeração e nem permanência na faixa de areia. O Itaráre e o canto da Ilha Porchat anda fumando. Monique Pontes e uma raça de longers surfam no pedaço.

Vários países estão liberando também o surf em suas águas. A Costa Rica é um, pois vive do turismo do esporte. As Ilhas Canárias, a Itália agora esta semana liberou algumas praias no Mediterrâneo. Muitos surfistas surfaram Ladispoli, perto de Roma. Na Austrália, Snapper voltou a ser surfada, assim como algumas em Los Angeles, USA. O fato triste da semana ocorreu em Scheveningen beach na Holanda. O fato ocorreu na segunda passada, dia 11 quando cinco surfistas se afogaram. Segundo testemunhas; uma forte tempestade atingiu a costa de surpresa e fortes correntes atiraram os surfistas contra um molhe de pedras, onde as ondas quebravam gigantes espumas que sufocaram eles. Os corpos foram encontrados já a noite, por equipes de resgate. Portugal e Espanha já liberaram o surf, mas a França ainda resiste. É isso! Dentro dágua respeite o limite de espaço, saúde e boas ondas a todos.

Texto by Castro Pereira Fotos Angelita/R.Sardinha/LANews/G.Verschueren

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *