CUERVO SURF RANCH – LONGBOARD MUNDIAL

O negócio é o seguinte nesta semana o The Ranch, lá em Lemoore nas Califas,  sediou etapa do Mundial de Longboard da WSL com dezoito homens e dezoito mulheres que quebram. Muitas feras entre eles, o bi-campeão Joel Tudor, que voltou as competições e já surfou nas linhas do Ranch. Entre a brasucada, sentimos a falta de Phil Razjman, nosso bi-campeão mundial que arrasa quarteirão nas ondas. Outra estrelar que estava no grupo é Chloé Calmon, que já foi vice em outras edições. E ai temos entre os atletas que foram pra arena, ianques, ausssies, hawaiianos, japonese, franceses e a brasucada com nossa torcida. A piscina funcionou de manhã a noite por dois loucos dias.

E deu que após o primeiro dia, o segundo foi mais maçante de heats e ondas surfadas. Bravos para a hawaiiana, Honolua Blomfield que emplacou um dez numa onda tubular e venceu a bagaça, com a ianque Soleil Errico de vice. Na área dos homens o frânces, Edouard Delpero se destacou e venceu com, Harrisson Roach de vice.  Ótimas finalizações de Lemoigne, Gall, Quintal e Sallas garantiram a eles terceiros lugares. A brasuca Chloé Calmon terminou em quinto nessa,mas está animada para a próxima. Agora, esses competidores se preparam para o encerramento da temporada 2020/21 no Jeep Malibu Classic apresentado pela Havaianas a partir de 3 a 13 de outubro, num encontro na natureza e num pico clássico dos longers, a old Malibu beach.  

Texto by Castro Pereira Fotos WSL/Morris/GrantEllis/ThomasLodin

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *