CURRREN E O BATE E VOLTA SURF

O ianque tricampeão mundial de surf, Tom Curren continua a inspirar e a teimar em sair para novos rumos e direções geográficas. Numa jogada bem discreta como sempre optou a personalidade de Tom nos últimos anos, ele saiu para a quarentena da Pandemia na costa ensolarada do México. Junto com poucos amigos e familiares o cara se internou naquele litoral, e de quebra produziu um dos melhores vídeos surf atuais. A fita é como uma trip entre amigos experientes e dotados da liberdade de compartilhar bons momentos da vida e das ondas. E que ondas Deus abençoado!

Já no inicio Curren, surreal se estabaca numas pedras e parte em dois sua Alaia. A sequência após é mais surreal ainda, Mr.Style surge descendo uma direita azulzissima, tubular e  com muita extensão de parede que o cara conclui com seu arsenal power surf de puro felling. O filme não trás grandes avoadas, nem grandes performances radicais, mas tem teclado na areia antes das sessions, trilha sonora espetacular e contundente. Ukelele, gaita de boca e batidas de baixo, guitar e drums fazem os cenários se agigantarem como o surf progressivo de Tom na tela. Direitas e mais direitas e direitas em sequências de Curren, hora consertando pranchas, usando foguetes e quilhas diferentes e hora cozinhando e alguns parcos sorrisos entre papos íntimos e festivos num freedom que só ele sabe criar. Quem já assistiu Mr.Style e suas ondas nesse The Search três, rasga comentários, de agradecimento pela inspiração, pelo surf e por tudo que ele faz pelo esporte, embora sua veia artística de músico esteja bem viva aos 5.6 de idade. Numa sequência surf mais overal, uma bela melodia meio que setentista e o vocal veludo de uma cantora, faz voce viajar. O filme Free Scrubber (Lixa Livre) de Vaughan Blakey e Nick Pollet com o fotógrafo Andy Potts fazendo os quadros e locações, penso é a inspiração certa para este verão na terrinha Brasillis, embora quebrem ondas gigantes em diversos lugares deste planeta.

Texto By Castro Pereira Fotos by Andy Potts/Divulgação

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *